Faz uma Pausa e Reencontra-O

Faz uma Pausa e Reencontra-O

Janeiro, mês perfeitamente eliminável do calendário na opinião de, arriscaria dizer, todos os estudantes universitários – começa a temida ÉPOCA DE EXAMES. Todos nós começamos, mais cedo ou mais tarde, de modo mais radical ou não, a afastarmo-nos do mundo para nos concentrarmos no que, supostamente, verdadeiramente interessa – os calhamaços. Saímos menos, temos menos paciência para os que nos rodeiam e mantemos o contacto com eles num nível mínimo porque “tenho tanto que estudar” e do que não precisamos mesmo é de “distrações”. Surgem as crises e os “não vou conseguir nunca” e  “vou tão chumbar”. Mas… Onde fica Jesus no meio disto? Será que guardamos tempo para Ele também no meio dos nossos dias atarefados ou será que só Lhe dedicamos aquela horinha especial em que vamos à Missa ao domingo (se é que para isso ainda temos tempo)?

Não és estudante universitário? De certeza que também já te sentiste assim, com tanto que fazer ou em que pensar que te esqueces de rezar, de pôr e procurar Jesus no teu dia-a-dia. A época de exames é só um pretexto – deixamo-Lo de parte tantas vezes…

E no meio disto tudo, eis que surge a proposta de oração do Post-It! Está na hora de parar e reecontrar um sentido no que andamos a fazer (ou O sentido, Jesus, Ele mesmo)… Para isso, deixamos-te uma sugestão de oração. Procura fazê-la a meio do dia, na hora de almoço, por exemplo. Começa assim:

Agora, que chegaste a meio do dia, para um pouco. Pensa no dia que tiveste até agora. O que viveste, o que fizeste, com quem estiveste. As pessoas que têm partilhado este dia contigo. Pensa também naquelas de quem sentiste falta e nos objetivos que ficaram por cumprir.

Relembra cada momento de alegria. Cada momento de tristeza. Procura descobrir onde esteve Jesus durante esta manhã/tarde/noite/dia. Tens noção que Ele nunca te abandonou? Tens noção que cada coisa boa, cada momento de alegria, era Jesus que estava presente, era realmente Ele, o mais concreto possível, era Ele que estava presente?
E nos momentos menos bons…? De tristeza, de solidão, em que sentiste que ninguém queria saber de ti? De trabalho interminável, de objetivos inalcançados, de frustração e em que quase desististe de tudo, de ti até…

Lembra-te, não é só nos bons momentos que Jesus está presente! Ele acompanha-te sempre, Ele nunca te abandona. São também nestes momentos de maior ansiedade, tristeza e desânimo em que Jesus te acompanha, Ele caminha a teu lado e nunca te deixa, estende-te a Sua mão – ainda que não a vejas, e ajuda-te a carregar a tua própria Cruz. É tão grande o Seu amor por ti, que até mesmo Ele sofre contigo, ao ponto de o próprio Deus sentir também essa dor. Nunca te deixes entristecer, de tal modo que te esqueças da alegria de Cristo Ressuscitado! Até mesmo quando pensas que ninguém quer escutar o que tu tens para dizer ou partilhar com os outros, quando pensas que ninguém está interessado, quando pensas que nenhum esforço vale a pena, enganas-te. O Seu coração alegra-se quando decides ir ter com Ele! Se soubesses que Jesus vem sempre ter contigo…! Ele está sempre desejoso que tu Lhe fales, e nunca se cansa de escutar o que tu Lhe tens para contar, sempre pronto para aliviar o peso que carregas e que tira a Luz aos teus dias.

Ainda tens o resto deste dia pela frente. Depende de ti, e só de ti, mudar a lente através da qual estás a olhar o que te está a acontecer neste dia. Muda-a e procura vivê-lo em conjunto com Jesus, verás que tudo se tornará mais fácil. Por mais difíceis que sejam os desafios que Ele te lança, se for claro para ti que vêm Dele, só poderás ter a certeza de que, com a Sua ajuda, serão superados. Muda a lente da desesperança para a da alegria e tudo mudará de cor! Pede e permite que Jesus guie o teu coração. Procura descobrir a Sua presença neste dia. Tanto na alegria, como na tristeza. E lembra-te, a alegria tem de ser a marca de um cristão, e esta alegria no cristão, tem de fazer a diferença no mundo.

“Não tenham medo de ser cristãos, e viverem como cristãos!”
“Não devemos permitir que alguém saia da nossa presença, sem que se sinta melhor e mais feliz!”
Papa Francisco

 

Proposta para a Quinzena
Faz diariamente este exercício de encontrar Jesus no meio do estudo/desafios do dia-a-dia para ganhares força para os superares. Mesmo que não O encontres, faz uma breve oração – Ele está sempre contigo, e, nos momentos mais negros, procura pensar nestas palavras e dar uma nova cor ao teu dia – sê rosto de Cristo e espalha a alegria!